TEATRO

A Bicicleta

A Bicicleta

Elsa é uma menina que adora bicicletas daquelas lindas, com cestos para pôr flores, trazer o pão,
adorava andar com os cabelos ao vento a ver as nuvens a correr atrás dela…ser livre!
Mas há um problema, é que a Elsa não tem bicicleta…e também não sabe andar de bicicleta,
os pais também nem tem tempo, dinheiro e nem paciência para os sonhos de Elsa.
Elsa descobre que existe uma possibilidade de tornar os seus sonhos em realidade – A Arte e as
Expressões Artísticas fazem-na ser livre de verdade!

Classificação etária: M/3
Duração: 45 min
Encenação: Alexandra Oliveira
Produzido por: ATE

Minimo 120 crianças

Os Maias

“Os Maias”

Os Maias de Eça de Queirós é uma obra emblemática da literatura portuguesa que merece toda a nossa atenção.
Nesta adaptação teatral de “ Os Maias” podemos conhecer varias personagens, onde destacamos: Afonso da Maia, Carlos da Maia e Maria Eduarda. A história parece simples, mas esta adaptação teatral mostra muitos outros acontecimentos paralelos que dão ao espetáculo um vivacidade e humor muito atraentes para o público.

Datas: 29 de Janeiro a 1 de Fevereiro
Horários:10h30 e 14h
Classificação etária: 11º ano
Duração: 2h
Encenação: Alexandra Oliveira
Produzido por: ATE

“A Farsa”

As perguntas que escolhi fazer como motor de pensamento para este espetáculo foram as seguintes:
Como é que se comunica, em 2018, a Farsa de Inês Pereira, datada de 1523, a miúdos de quinze anos a quem lhes é dito terem um manual escolar e um professor que os ajudam a aprender, mas se pagarem o
valor de um bilhete têm direito a uma explicação performativa desse texto?
Como é que se comunica, em 2018, a Farsa de Inês Pereira, datada de 1523, a miúdos de 15 anos que são obrigados verter, de forma escrita, a interpretação desse texto que lhes é dita ser a mais correta e que
lhes garantirá a nota mais alta?
E como é que se comunica, em 2018, a Farsa de Inês Pereira, datada de 1523, a miúdos de quinze anos que vêm aquela hora de espetáculo mais como uma folga das aulas do que como um espetáculo onde
poderão aprender?
E como é que se comunica, em 2018, a Farsa de Inês Pereira, datada de 1523, a miúdos de quinze anos, em teatros modernos, em teatros em estado de abandono, em polivalentes, ginásios, salões paroquiais,
salas de conferência e salas de aula?
Perante as perguntas que me coloquei, acho que fiz um bom trabalho.
Mas a questão não está no meu trabalho. Está nas minhas perguntas.

Datas: 9, 10 e 15 de Janeiro 2019
Horários:10h30 e 14h30
Classificação etária: 10º ano
Duração: 1h
Dramaturgia, encenação e interpretação: Alexandre Sá.
Direção Plástica: Alexandra Oliveira
Apoio à encenação: Alexandra Oliveira e Rita Burmester
Produção da ATE

25.7.2018